Os melhores Óleos para o crescimento do cabelo

Você provavelmente já ouviu falar sobre os benefícios do óleo de argan, ou do de rícino. Ou talvez leu sobre óleo de coco e óleo de oliva. Mas afinal, quais desses óleos realmente são compatíveis com o cabelo e podem auxiliar no crescimento dos fios? Na aromaterapia, vários óleos essenciais ou naturais são utilizados para o crescimento dos fios de cabelo. Vou falar um pouco deles neste post.

Óleos Essenciais e Naturais que ajudam no crescimento do cabelo

Desde muito pequena aprendi que os óleos essenciais ou naturais podem ajudar no crescimento capilar e no combate a queda dos fios. Aliás, essa era uma dica passada por minha avó, e por mais que haja muito de crença popular, a sabedoria dela já foi comprovada já que existem vários estudos por aí para testar a eficácia dos óleos essenciais para tratamento de quedas de cabelo.

É por isso que resolvi estudar um pouquinho mais do assunto, fiz alguns testes e montei uma lista de óleos essenciais para o crescimento do cabelo.  Dá uma olhada:

1 – Óleo de Jojoba

oleo-de-jojoba

Eu não sei se muita gente já conhecia o óleo de Jojoba. Quando perguntei para a minha mãe antes de comprar, ela falou que era excelente para cabelos. Bom, mães sabem de tudo! De qualquer forma, esse óleo é feito do extrato do óleo de Jojoba, uma planta que é encontrada em algumas partes do México, do Arizona e da Califórnia. Ele é excelente para a saúde do cabelo porque tanto a sua expessura quanto a sua formulação é bastante similar ao óleo produzido naturalmente por nosso couro cabeludo. Isso quer dizer que ele é ótimo em nutrir o cabelo, e hidratar toda a extensão do fio – da raiz do couro cabeludo às pontas. E cabelo bem hidratado previne quebras e melhora a retenção e crescimento.

2 – Óleo de Tomilho

oleo-de-tomilho

Eu comecei com os dois óleos que me eram menos conhecidos porque foram os que mais me chamaram atenção. O óleo de Tomilho não é tão comum, e por isso, não é facilmente encontrado em farmácias. Se você procurar, talvez seja mais fácil encontrá-lo em lojas de produtos naturais. Ele é ótimo para o crescimento porque é um bom estimulante quando usado para massagens no couro cabeludo. A própria massagem vai auxiliar na melhoria da circulação, e o óleo vai auxiliar o crescimento dos fios.

3 – Óleo de Rícino

óleo de ricino

Para sempre um dos meus preferidos em auxiliar o crescimento porque no meu caso sempre funcionou lindamente. O óleo de rícino é rico em vitamina E, proteinas e minerais, o que hidrata e suaviza os cabelos, mantendo o nível de umidade no fio; Além disso, ele tem propriedades anti-microbianas, que vai te ajudar a se livrar da caspa ou de outros problemas do couro cabeludo. Outro ótimo benefício é que o óleo de rícino contém ácido ricinoleico que trata inflamações no couro cabeludo e doenças. Ele ainda melhora a circulação do sangue e, portanto, resulta em um crescimento mais rápido do cabelo. O único problema dele é que ele é um óleo pesado, e bastante viscoso, ou seja, será um pouco mais trabalhoso tirá-lo do cabelo. Para usá-lo, o ideal é aplicá-lo diretamente no couro cabeludo, deixá-lo agir durante a noite, e lavá-lo na manhã seguinte com um shampoo. O uso regular te dá um cabelo saudável, brilhoso e hidratado.

4 – Óleo de Alecrim

óleo-essencial-de-alecrim-

Por essa, você não esperava! Ou esperava? Bem, de qualquer forma é importante dizer que o óleo de alecrim é outro grande estimulante para o couro cabeludo, então, massagear o escalpo com ele é garantia de que o seu cabelo vai crescer mais saudável.

5 – Óleo de Oliva

óleo de oliva

O óleo de Oliva também é rico em Vitamina E e anti-oxidantes, excelentes para o crescimento saudável do cabelo. Ele  é um óleo leve, e contem ácido oleico, que facilmente se mistura ao cabelo e sela a hidratação.

O óleo de oliva é provavelmente o melhor condicionador natural que você pode encontrar por aí, e o uso regular vai deixar o seu cabelo macio e sedoso. Outro ponto positivo é que ele também tem propriedades anti-inflamatórias, o que ajuda no tratamento da caspa e reduz a queda expressivamente.

6 – Óleo de lavanda

oleo-lavanda

Assim como os outros que eu já citei, o óleo de lavanda é um otimo estimulante e excelente para massagens no couro cabeludo. Ele  também tem propriedades antibacterianas, o que ajuda a proteger o escalpo de infecções e trata a caspa. No cabelo, recomenda-se usar uma mistura dele com o óleo de oliva.

Faça assim: separe algumas folhas de lavanda e  as coloque em uma jarra de vidro. Cubra as folhas com azeite, feche e guarde em um local fresco e escuro por até 3 semanas. Use o óleo antes de fazer uso de algum modelador de calor (secador, chapinha, difusor, etc.). Coloque um pouco de óleo nas mãos e massageie bem o couro cabeludo. Lave com um shampooo leve e condicione. Depois, finalize como de costume.

7 – Óleo de Menta

óleo de menta

Enquanto eu escrevo esse artigo percebo quanta coisa natural pode ser excelente para o cabelo. Sério, mesmo! Vocês também perceberam?

Mas enfim, vamos falar do óleo de menta (ou hortelã). Quando utilizado para massagear o couro cabeludo, ele estimula o folículo capilar, ajudando no crescimento. Mas ao usá-lo, só pequenas quantidades, certo?  Aliás, o ideal é que você misture com outro óleo, ou mesmo com água ao aplicar.

8 – Óleo de Coco

óleo de coco foto

Obviamente, o famoso óleo de coco estaria nessa lista. Isso porque, além de ser bom pra pele e para dieta, ele é excelente para o cabelo porque ele é o único que realmente consegue penetrar no fio e recuperar o cabelo de dentro pra fora.

9 – Óleo de Argan

óleo de argan

Finalmente, o queridinho da mulherada. Quem já usou sabe que o argan é maravilhoso e ajuda na saúde dos fios. Ele é rico em anti-oxidantes, e recupera cabelos danificados, além de nutrir e hidratar profundamente os fios. Outra vantagem que ele é rico em vitamina E e vitamina F, dois ingredientes ótimos para dar brilho e maciês aos cabelos. O óleo de argan também ajuda a tratar pontas duplas e é ótimo para proteger o cabelo dos danos de calor (seja por secador ou chapinhas e outros estilizadores). Junto com o óleo de Rícino, pessoalmente, o argan é um dos meus preferidos.

Pronto: 9 óleos incríveis para o crescimento do seu cabelo. Bóra tentar?

Vocês lembram de mais algum? Já usaram algum da lista? Contem nos comentários! E não esqueçam de compartilhar essa lista com as amigas que querem virar rapunzel!

Stephanie Pereira

Stephanie Pereira

She is just a girl, and she's on fire.

3 Comentários

  • Rúbia Fernanda
    Abril 14, 2015 em 5:13 pm

    Boa tarde!

    Como posso usar estes óleos? Na hidratação? Pode passar puro no cabelo? Você tem alguma dica? 

    Obrigado! Estou adorando o blog!!!

    Beijoss

    • Stephanie Pereira
      Stephanie Pereira
      Abril 15, 2015 em 4:12 am

      Poxa, obrigada, Rúbia! Esses incentivos me fazem querer continuar postando por aqui.

       Vamos lá, então! Existem várias formas de aplicação e pretendo falar delas em breve aqui no blog. No entanto, para não te deixar sem uma resposta, vou compartilhar minhas experiências, certo?

      Jojoba: aplica no couro cabeludo massageando, e deixando agir de 20 a 30 minutos antes de lavar o cabelo. Outra opção é colocar uma colher de chá do óleo no condicionador.
      Tomilho: põe umas gotinhas na mão, esfrega as mãos espalhando o óleo, e depois passa as mãos nas pontas e na extensão do cabelo espalhando o óleo. O argam também funciona assim. Podes passar várias vezes durante a semana, quando sentir que o cabelo tá ressecado.
      Alecrim e Menta: Uma pequena gota no shampoo e pronto, você já vai começar a sentir os efeitos. Lave o cabelo normalmente, com shampoo, condicionador e etc. Ah! E não precisa exagerar no óleo, sério.
      Oliva: Misture um pouco dele com o óleo de argam e massageie o couro cabeludo. Enrole uma toalha por até 5 minutos, depois, lave o cabelo com shampoo e condicionador normalmente.
      Coco: massageie o couro cabeludo à noite, e retire lavando de manhã!
      Os outros estão no texto :-)

      Lembrando que cada couro cabeludo é diferente e foi assim que fiz comigo. Cada caso é um caso, e por isso, sempre recomendo o teste da mecha, que é assim: você separa uma mechinha na parte de trás do cabelo, e passa uma pequena quantidade. Daí você espera para ver como o seu cabelo reagiu ;-) No meu caso, os que melhor funcionaram foram o argan e o rícino, e são meus dois preferidos. :-)
      Outra coisa: usa sempre em pouca quantidade, viu? O excesso de  oleosidade também não é legal. E cuidado com os olhos ao aplicar. Quando lavar o cabelo, tenha certeza que removeu todo o óleo. Se precisar de mais dicas, continua acompanhando o blog. Esse assunto vai ser recorrente por aqui! Um beijo.

  • Ana Maria Pereira
    setembro 15, 2017 em 12:41 am

    Eu fabrico cosmético e gosto de usa olio e estrato

Deixe um comentário