Cabelo rastafári: dicas e cuidados diários

0

O termo cabelo rastafári apesar de popular não é o correto. O estilo de cabelo a qual estamos nos referindo é o Dreadlock. Que surgiu muito antes do movimento rastafári. O penteado se popularizou entre o movimento que surgiu nos anos 30 e tinha Haile Selassie, o último imperador da Etiópia como seu “messias”.

A popularização do estilo de cabelo se deve a conexão com a cultura africana e possui um forte significado religioso, que liga os cabelos ao corpo e espirito.

Rastafári e Dreadlock, qual a diferença?

Muitos memros da religião rastafári possuem dreadlocks, no entanto as pessoas que usam dreads não precisma ser membros da religião.

Os dreads foram utilizados na África e índia milhares de anos antes do surgimento do movimento rastafári. E remete a uma forte herança cultural. Por isso o modo correto de se referir ao penteado é dreadlock ou dreads, e não cabelo rastafári.

Como o penteado é feito?

É possível realizar dreads com cabelo natural, sintético ou lã. Para fazer o penteado natural é usado uma agulha de crochet e um pente de aço que juntos desfiam e embaraçam o cabelo em um formato tubular. A cera de abelha é usada para finalizar, mas este processo é definitivo e só da para retirar com o corte, o que faz ele ser evitado por grande parte dos profissionais.

Já o processo sintético dura um ano, e é usado cabelo feito com fibra de plástico para preencher os dreads. E o estilo com lã pode durar 3 meses, é possível usar cores diferentes, o material é mesclado com o cabelo dando um toque mais animado aos fios.

Cuidados básicos

O cuidado número um é a lavagem, que precisa ser feita duas vezes por semana com um shampoo. Não passe creme na raiz e nunca durma com os dreads molhados, e não prenda se estiver molhado. Tenha a certeza de manter sempre seco.

Antes de fazer o dread, faça uma hidratação se seus cabelos forem cacheados ou crespos, e quando retirar, refaça a hidratação. Assim seus cabelos vão permanecer saudáveis.

Leave A Reply

Your email address will not be published.