Como fazer um Turbante afro?

0

A origem do turbantes é desconhecida, porem acreditam que este elemento da cultura mundial surgiu no oriente antes do islamismo. Na áfrica os turbante carrega um significado por trás de cada tipo de amarração.

O tubante pode representar função social, religiosa aspectos cultuarias e estéticos do povo, cada cor e estampa representa algo diferente. Por isso se usa na cabeça com a função de proteger a mente, a fonte dos pensamentos e onde a fé é cultivada.

Ja no Brasil pode representar uma afirmação da sua identidade cultural, os escravos tentavam reproduzir os tipos de tecidos que tinham em seus países de origem, usando o turbante eles mostravam que não tinham medo de expressar sua cultura negra africana, uma forma de resistir e lutar contra o preconceito.

Com o tempo o avanço do comércio fez o turbante se tornar um acessório da moda, principalmente na Europa nas décadas de 20 e 30, e a cada dia que passa fica mais popular.

Apropriação cultural do turbante

O Brasil é um mar de miscigenação, por isso as culturas se misturam e acontecem trocas e apropriações.

O que causa problema no caso do turbante não é o uso em si e sim a desvalorização do símbolo cultural e social que representou aluta contra o preconceito. Por isso não importa o tipo de turbante que esteja usando, ele representa muito mais do que uma peça da moda. Ele é a prova de um povo que resistiu a tudo e ainda luta para ter o reconhecimento que merece.

Turbante para homens

O turbante masculino tem varias cores formatos e modelos, existe a centenas de anos e faz parte de várias culturas.

Para amarrar é só:

Colocar o tecido sobre a cabeça, cobrindo-a.

Puxe o tecido para frente vindo da nuca, deixe apertado na cabeça, de modo que se forme duas pontas na frente.

Cruze as pontas na testa e com uma delas dê a volta na cabeça.

Com a ponta do outro lado, cubra a parte que sobrou passando por cima dela. enrole essas pontas e esconda o que sobrou.

Modelos de turbante

Existem vários modelos e formas de fazer um turbante, vamos mostrar alguns.

Turbante africano:

Coloridos e com estampas diferentes. Ele pode ser rico de significados por isso se comprar em uma loja de moda africana da para perguntar a história por trás do modelo escolhido, com certeza vai ser surpreendente.

Com o tecido escolhido faça a amarração que desejar.

Turbante Box Brainds:

Ele fica em cima dos cabelos com tranças soltas. o jeito mais comum de fazer é um coque alto com as tranças, passando o turbante aberto atras da cabeça, puxando as pontas para a frente e terminando com um laço,

Faixa turbante:

Não precisa ser longo, basta jogar a faixa por trás da cabeça, trazer as pontas para frente e fechar cruzando as pontas, depois é só enrolar até acabar o comprimento.

Turbante fechado:

Os cabelos são fixados em coque de abacaxi ou afropuff, para que o turbante tenha uma sensação de estrutura e volume.

Em seguida, passe o lenço atrás da cabeça de modo que as pontas sejam enroladas para frente e presa uma na outra. Um dos lados deve ser maior para que você possa enrolar todo o cabelo e esconder a ponta na estrutura do turbante. ajeite da maneira que for mais confortável.

Turbante para cabelo curto: saiba como fazer

Não há nada de complicado em amarrar um lenço de cabeça no cabelo curto. Dobre o tecido do lenço de forma que fique bem comprido, aproximadamente igual à largura da palma da mão. Passe o tecido pela gola, coloque na frente e dê o nó com uma ponta para cima e a outra para baixo. A parte superior envolve toda a cabeça e esconde a ponta na estrutura. já As dicas a seguir são usadas apenas para compensar o conteúdo ausente.

Como fazer um turbante? Veja o passo a passo

Passo 1: faça um coque abacaxi curto e deixe cair um pouco para o lado da cabeça.

Passo 2: use uma mistura de creme e gelatina capilar para esfregar o cabelo e ondulá-lo levemente, se necessário.

Passo 3: por cima da cabeça, solte a coca.

Passo 4: puxe as pontas para frente e dê um nó.

Passo 5: mova este nó ligeiramente para o lado oposto da peça grande de decoração.

Passo 6: Entrelace uma extremidade com a outra extremidade e torça-a.

Passo 7: após enrolar as pontas, use este tecido para fazer um pequeno coque.

Passo 8: finalmente, esconda o que sobrou no turbante.

Leave A Reply

Your email address will not be published.