Permanente afro: como funciona no cabelo?

1

O permanente afro é um procedimento que consegue alterar o formato dos fios, deixando-os com cachos mais definidos e modelados. Pode ser feito por crespas e cacheadas que não conseguem a definição dos fios apenas com a finalização.

Mas por ser um processo químico, é necessário ter atenção e cuidados. Conheça o permanente a seguir.

Qual é a química do permanente afro?

A química presente no permanente afro é o tioglicolato de amônia, um ativo poderoso e pesado, que não é compatível com a maioria dos outros procedimentos químicos. Por isso, o teste de mecha é um processo ainda mais necessário para quem decide fazer o procedimento.

Quem pode fazer permanente afro no cabelo?

Geralmente, o permanente afro é feito pelas pessoas que possuem cabelos crespos, que possui uma textura mais difícil de ser modelada e quase sem definição. Então, essa é uma alternativa  para quem deseja cachos mais modelados e definidos.

Quem pode fazer permanente afro no cabelo?
Quem pode fazer. Fonte/Reprodução: original.

Porém, por se tratar de um processo químico agressivo, feito em cabelos que já são mais frágeis, é preciso ter cuidado e atenção redobrados para que não sofram mais que o necessário. Fazer teste de mecha e realizar o processo com um profissional de confiança são cuidados fundamentais na hora de fazer o seu permanente afro. 

Como cuidar dos cabelos permanente afro?

Os cuidados com os fios após o permanente afro, são os mesmos de qualquer cabelo que passa por processos químicos. Confira dicas de como cuidar do cabelo após realizar o permanente afro:

Produtos pós-química

Para recuperar os danos, é fundamental investir em produtos específicos para cabelos pós-química ou quimicamente tratados. Desde shampoos e condicionadores até máscaras e finalizadores, esses produtos fazem total diferença na recuperação mais rápida dos danos.

Cronograma capilar

O cronograma capilar também é de grande ajuda na hora de recuperar os danos e deixar os fios saudáveis e bonitos. Na hora de escolher os produtos para cada etapa, se atente aos seus componentes e foque naqueles que vão te auxiliar na recuperação dos danos.

Tempo de pausa

Respeitar o tempo entre os retoques também é um cuidado indispensável para quem aposta no permanente. Isso porque fazer os retoques muito próximos, sem que o cabelo tenha se recuperado completamente, pode acabar causando quebras e danos irreversíveis aos fios.

Finalização

Finalizar os fios também é um cuidado que não podemos abrir mão em nenhum tipo de cabelo, principalmente os que possuem algum tipo de química. No caso dos cabelos crespos e cacheados, invista em produtos que ajudam a manter essa definição enquanto tratam e protegem os fios.

Sem chapinha e secador

Usar chapinha e secador, além de prejudicar a saúde dos fios, pode acabar diminuindo a durabilidade e mudando o formato dos fios após o permanente afro. Por isso, se você fez esse procedimento, abra mão de usar as ferramentas térmicas que podem mudar o formato dos fios.

Quem alisa o cabelo pode fazer permanente?

Alisamento e permanente são procedimentos com objetivos diferentes. Enquanto o alisamento deixa os fios mais lisos, o permanente afro pretende manter os fios cacheados.

Quem alisa o cabelo pode fazer permanente?
Quem alisa cabelo pode fazer. Fonte/Reprodução: original.

Caso você tenha feito um alisamento, se arrependeu e deseja fazer o permanente para voltar a enrolar os fios, esse é um processo muito perigoso, já que as químicas em sua maioria das vezes são incompatíveis. Os danos podem ser severos, incluindo a queda dos fios.

Não é recomendado realizar uma química em cima da outra, justamente por conta dos riscos e danos envolvidos nesse processo. Antes de realizar qualquer procedimento químico, busque ajuda de um profissional de confiança e sempre faça teste de mechas.

O permanente afro é um procedimento realizado há muitos anos e que cada vez mais vem voltado com tudo à moda, justamente pelo empoderamento que os cachos trouxeram para muitas mulheres.

1 comentário
  1. […] suas madeixas com muita frequência, com medo de acabar ressecando os fios, mas se a pessoa acabar lavando o cabelo “de menos” o acúmulo dos resíduos de produtos e sujeiras pode acabar entupindo os poros do […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.