Como fazer tranças afro

0

As tranças afro misturam beleza, detalhes e ancestralidade, são símbolos de resistência de antepassados que quebraram barreiras para hoje existir uma situação diferente da qual enfrentaram.

Essas tranças podem ser produzidas em casa, apesar de ser um processo cansativo que levam horas, é quase uma prova de resistência do BBB. Mas o resultado é algo incrivelmente belo.

Porem se não tiver habilidade, o resultado vai ser uma coisa assimetrica, frouxa ou apertada de mais. A falta de pratica pode causar problemas nos fios e é pro isso que a melhor opção é buscar os profissionais.

Mas atualmente a melhor saída é tentar fazer em casa, por isso segue as dicas de como fazer:

Para começar deixe o cabelo humido com agua e penteie.

Usando o pente, divida a parte que deseja começar a trançar e o resto prenda.

Divida a primeira mecha em três seções muito finas.

Comece a tecer da maneira tradicional, mas gradualmente una as tranças com a primeira.

Continue tecendo enquanto adiciona um pouco de cabelo ao primeiro cabelo até que alcance a parte de trás da cabeça.

Alcançou a parte de trás do seu pescoço? Continue tecendo como uma trança normal de três fios.

Prenda as pontas com elásticos e repita o processo nos cabelos restantes. Sempre verifique se a espessura da trança é a mesma.

Como preparar o cabelo antes de fazer a trança afro?

O cabelo tem que estar saudável antes de começar o processo de trançar. Por isso, garanta a fortaleza dos seus fios.  Geralmente, é recomendado fazer a reconstrução capilar pelo menos uma vez. Em casa, seu aliado pode ser a máscara capilar restauradora com queratina e arginina. Se a espessura do furo do canto for a mesma.

Além disso, os fios devem ter pelo menos seis centímetros antes da tecelagem. No dia da modelagem, as fibras capilares devem estar bem limpas e sem deixar resíduos.

Foto: Reprodução | Instagram @zeenaxena

Tranças afro estragam o cabelo?

Essa é a primeira pergunta que quem quer aderir a esse penteado costuma fazer, mas a resposta não é tão simples. Como quase tudo que é feito em um fio, depende muito do método de tecelagem e do estado das mechas antes do processo. Sim, em alguns casos, as tranças africanas podem quebrar o cabelo.

No entanto, isso geralmente acontece, por exemplo, quando não são fabricados por profissionais qualificados, ao usar materiais mais pesados ​​que o cabelo, ou quando já está muito frágil antes de finalmente ser incapaz de suportar a tração. Outra situação que pode danificar o cabelo é não limpá-lo adequadamente ou causar atrito excessivo durante a lavagem.

Como cuidar das suas tranças afro?

Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, lidar com tranças africanas em casa não é tão complicado. A trança pode ser lavada duas vezes por semana, o xampu é aplicado no couro cabeludo e as raízes são massageadas para evitar a formação de caspa e seborreia.

A trança precisa ser refeita a cada quinze dias, pois o crescimento do cabelo fica evidente. Independente do caso refaça as tranças do zero, sem tentativas de retoque.

Leave A Reply

Your email address will not be published.